domingo, 14 de março de 2010

Retronado: Shining Force [7]



Preparados pra mais uma etapa de Shining Force? Dessa vez o bicho pegou em Manarina, ao norte do mapa.

Manarina é uma cidade de magos, bruxos e outras coisas relacionadas. Já na entrada da cidade existe uma escola para magos e, dentro dela, encontro Anri. Ela se recusa a acreditar nas coisas que eu conto e quase me bota pra fora da escola. Se não fosse Nova, o nosso mentor, ter entrado em seguida, não ia ter jeito.

Anri escuta Nova e ele explica a nossa atual situação. O rei foi morto por Kane, que roubou a Sword of Light do reino e se debandou pros lados de Darksol. Anri fica estupefata com os acontecimentos e sai correndo. Nova me pede pra ir atrás dela e lembrá-la de que Guardiana ainda é seu reino, ela deverá tomar lugar de seu pai agora.

Antes de sair correndo atrás de Anri, dei uma explorada ali dentro da escola. Uma pessoa ali, chamada Otrant, me pergunta se desejo chegar antes de Kane ao Gate of Ancients. Respondo que sim, e ela então diz que vou precisar da Orb of Light pra atravessar um lugar bizarro aí, tal Orb está dentro de uma caverna que fica ali mesmo na cidade de Manarina. O caminho pra tal caverna fica ali mesmo, próximo de onde Otrant está, mas resolvi dar uma explorada na cidade antes de ir atrás disso.

Em uma das salas acontece uma das coisas mais engraçadas do jogo. Lá existe uma máquina enorme, a responsável pela máquina me pergunta se desejo fazer parte do experimento dela. Aceito e sou transformado em uma......galinha ¬¬! E não há jeito de voltar ao normal, precisei sair vasculhando os telhados da escola até achar uma boa alma que me transformou no sujeito alto, forte e másculo que sempre fui. Até Anri eu achei pelo caminho, mas ela disse que não gosta muito de conversar com galinhas...Outra pessoa estranha que encontrei foi um cavaleiro centauro que disse que não era tão bom em lutar....hm...

Depois de voltar a ser o que era, voltei pelo mesmo caminho e conversei novamente com Anri, que aceitou se juntar à nós e combater Kane e quem mais vier. Com mais nada pra se fazer por ali (nem mesmo uma lojinha pra se gastar a grana), fui ver a tal caverna com a Orb of Light. E não foi simplesmente entrar, pegar a Orb e vazar, como eu pretendia...

A caverna está repleta de monstros. Se eu quiser pegar a Orb of Light, simplesmente terei que destruir todos...Mas o pior é o seguinte: existem vários baús aqui, alguns contendo itens, o que me atiça a ir atrás deles também. O último deles está muito bem guardado por 3 dark mages e um novo inimigo, um esqueleto enorme. Vai ser uma briga e tanto!

De começo, dois zombies cercam a única saída, e obrigando a por Cosmão ali pra ir arranco o quanto puder dos caras. Anri é uma maga negra, e como toda mago negro do game, começa com o simples Blaze. O bom é que agora tenho duas magas negras, posso castar várias magias em vários inimigos, pelo menos.


Uma coisa a ser bem pensada nessa batalha é no membro que vai pegar os itens nos baús: é preciso haver espaço disponível no inventário deste guerreiro, ou será um tempo precioso perdido. Com Ken, peguei no primeiro baú, ao norte, um Power Staff, arma dos magos. Anri já subiu de level ao destruir por completo os 3 primeiros zombies.

O segundo embate se dá na ponte, onde 2 snipers, um dark mage e um zombie (que Anri já despachou) nos espera. Nessa batalha eu pude notar o quanto Hans está enfraquecido no time. Como um arqueiro, preciso investir um pouco mais no rapaz, ele acaba se tornando um personagem chave na batalha pela distância que usa pra atacar.


Bom, Tao deu uma esquentada na galera da ponte com o Blaze 2, acertei os 3 de uma vez ali! Claro, corri o risco de perdê-la, pois me aproximei demais do dark mage, mas é preciso correr riscos nesse jogo. Pelo menos eu acho que valeu a pena, pois Tao avançou pro level 7 nessa brincadeira com fogo.

Pra minha sorte, o dark mage tentou atacar fisicamente Tao, e acabou errando. A vingança veio com Blaze 2 pra despachar o trio pro inferno de uma vez por todas, tudo num pacote só!


Os giant bats se aproximaram e também levaram Blaze 2 na cabeça, 3 de uma vez também! Tao está impossível nessa batalha! Nos outros dois báus, um Wooden Staff e um Power Ring, que prontamente dei a Hans, quem sabe assim ele melhora seu ataque.

O trio restante de inimigos começa a formar posição no alto. O caveirão está protegendo o baú (possivelmente com a Orb of Light), enquanto os outros três dark mages ficam mais abaixo, aguardando a minha chegada. Cosmão dormiu praticamente metade da batalha. Um dos giant bats jogou sleep nele e ali ele ficou, levando 1 ponto de dano por cada ataque, dormindo feito um vagabundo....

Bom, Cosmão acordou, equipei Hans e comecei a esboçar meu plano de ataque. Não seria uma boa idéia levar Cosmão ali perto, os 3 dark mages poderiam usar Blaze para torrá-lo e então seria uma batalha perdida inutilmente. Tao está com apenas 5 de MP, no máximo conseguiria usar uma vez o Blaze 2 e poderia seguir com Hans e Ken atacando de longe, logo seguidos por Anri e seu Blaze pra finalizar o que restasse ali. Do caveirão eu cuido depois.


Como Ken é o que mais tem HP (25), me aproximei com ele e comecei o ataque ao primeiro alvo. Segui com Anri e já destruí um deles ali mesmo. Sobraram 2 dark mages. Pela quantidade de MP deles, muito provavelmente eles possam castar Blaze 2, o que acabaria com Anri em um ataque talvez. Retirei ela dali o mais rápido que pude.

Tao agora seria meio inútil, já que destruí o dark mage que unia os 3 em cruz. Peguei Gort e continuei o ataque com ele no dark mage mais próximo. Gort está se provando um ótimo combatente! Finalizei o dark mage com Hans, realmente o Power Ring fez diferença. Agora sobraram apenas um dark mage e o tal caveirão! E olha que não levei NENHUM ataque nessa investida!

Me aproximei com Cosmão e Mae e destrui o último dark mage com dois ataques. Mae ainda alcançou o level 7. Agora vem o líder do bando! Me aproximei com Ken e arranquei um mísero ponto de vida do safado! 1 HP! Sinto que estou levemente fodido aqui....No turno dele ele vai me esmagar feito uma barata!

Mas, pra minha surpresa, ele não esboçou reação nenhuma! Não sei se porque eu ataquei ele na diagonal, ao invés de partir pra cima de frente, só sei que aproveitei e posicionei Hans do outro lado e assim segui atacando-o pelas laterais sem sofrer dano nenhum.


O esqueleto morreu e finalmente peguei a Orb of Light! Descobri depois que eu poderia ir atrás dos baús tranquilamente, pois tive a liberdade de controlar Cosmão por todo o cenário da batalha após a mesma. Se eu soubesse, não teria deslocado alguns membros pra ir atrás dos baús na hora da batalha ¬¬!

Bom, de posse do item, fui até o painel acima da dungeon e o usei ali. Apareceu uma mulher dizendo que já esperava por um bom tempo por isso e que eu era realmente um herói. O legado dos Ancients foi um mal que foi selado por um longo milênio, e agora Darksol quer a chave para remover o selo de uma vez por todas e liberar tudo. Minha missão é impedí-lo! Ok, vamos nessa então!

Saindo dali, falei com Otrant e ela me disse que fui o escolhido pela Orb of Light para destruir todo o mal. Somos os escolhidos pelo Poder da Luz, somos a Shining Force. "Siga até Rindo, atravesse o oceano e vá até o Eastern Continent, você precisa parar Kane!" Essas foram as palavras de Otrant! Antes de partir para Rindo novamente, resolvi dar uma palavrinha com aquele cavaleiro centauro, lembram-se? Aquele que disse que não via mais sentido em lutar e *SURPRESA*, ele entrou pro time também!!

Seu nome é Arthur, é sempre bom ter mais centauros no time!


Agora sim, vamos pra Rindo ver como estão as coisas, quem sabe agora o prefeito libera o barquinho dele pra gente.

10 comentários:

  1. Se tem uma coisa que me chateia é nunca terem traduzido esse jogo...

    ResponderExcluir
  2. Cosmão, ta muito show cara!!! To curtindo muito acompanhar essa aventura sua ae viu... TA BEM LOCO, principalmente as batalhas cara!! NUnca eperei muito dos modos de batalha da série Shining, ta me fazendo quebrar a cara, e se continuar assim, vai virar pecado gamistico XD

    ResponderExcluir
  3. A história ta ficando muito boa e a batalha já me conquistou a tempos, é interessantíssimo.

    Aguardado por mais, cosmão/galinha!

    ResponderExcluir
  4. Cosmão, essa Sword of Light é a espada mais forte do jogo?

    Se for é estranho porque no Shining force CD,a espada mais forte é a Sword of Hajya e a Sword of Light é a 2° melhor e o curioso é que as duas espadas só podem ser equipadas por dois personagens da classe Hero(cada um com sua espada, uma não pode equipar no outro e vice versa).

    A Sword of Hajya é tão importante que só ela pode dar o 1° golpe no Demônio da última batalha,tanto no SF Gaiden 1 quanto no 2,ela quebra uma espécie de escudo desses demônios.

    Já no SF 2 a espada mais forte é a Force Sword, que abre um portal para enfrentar o último demônio.

    É isso aí Cosmão,a história está ficando muito foda.Confesso que estou quase pegando SF 1 pra jogar hehehe, mas 1° tenho q terminar o SF CD,Flw!!!

    ResponderExcluir
  5. Se não me engano a espada mais forte é a Caos Breaker (Ou algo assim)...

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Po, fazia mó tempão que não vinha aqui no Blog, tá maneirão.

    LOL detonado do Shining Force em português, melhor coisa nao há. XD

    ResponderExcluir
  8. vc esqueceu de pegar o ovo...
    em uma das salas tem uma maquina di ondi vc tira um ovo.

    ResponderExcluir
  9. ele se xama "DOMINGOS EGGS"

    ResponderExcluir