sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Tutorial: Emulando o Sega Saturn



Demorou, mas chegou a hora de postar um tutorial que muita gente me pede mas, por falta de tempo (e de saco às vezes), acaba ficando sempre pra trás. Antes de qualquer coisa, um único lembrete: o tutorial é baseado na minha atual máquina (Athlon X4 4GB ram) e nas minhas configurações, portanto, o emulador aqui explicado poderá não ter a mesma performance em outras máquinas. Digo isso porque minha antiga máquina rodava, mas rodava "daquele" jeito, tanto é que deu um pau tão violento nela que tive que formatar logo após uma jogatina no SSF.

Outra coisa é que me baseio nas informações que fui adquirindo com o tempo de uso do emulador, em algumas pesquisas e resolução de alguns problemas. Não se trata de um tutorial completíssimo explicando cada pedacinho do emulador e sim, mais um guia pra quem quiser se aventurar na emulação de Sega Saturn pelo meio mais simples.


Bom, mas chega de conversa e vamos ao modus operandi. Para emular o Saturn, existem diversos emuladores na web. O mais usado, entretanto, é o famoso SSF, emulador que já conta com inúmeras versões desde que foi lançado há vários anos atrás. É importante ressaltar que uma versão é diferente da outra no que diz respeito ao aproveitamento da máquina onde ele é executado. Explicando: uma versão mais antiga do emulador pode ter uma melhor performance em uma máquina mais antiga, e vice versa. A versão explicada aqui é a mais nova, SSF 0.12 beta R3.

Pois bem, antes de começar a explicar o emulador, é preciso falar sobre o método de emulação do SSF. Diferente de alguns emuladores, o SSF só reconhece os discos dos jogos, ou seja: nada de abrir um game à partir da ISO, como no ePSXe, emulador de Playstation. Para isso é preciso montar a imagem do jogo em um drive virtual e a melhor ferramenta pra isso é o DAEMON TOOLS.

"Mas que @#%%$ é essa, Cosmão?", alguns podem perguntar. Daemon Tools é um programinha leve que cria drivers virtuais no Windows. Existem outros programas que fazem isso também, como o Alcohol 120%, por exemplo, mas, por experiência própria, o Daemon foi a melhor escolha que fiz. Existem várias versões do Daemon Tools, mas em todas o processo é similar. De posse da ISO ou arquivo BIN/CUE do jogo, basta montar a imagem usando a interface do programa (algo bem simples, diga-se de passagem) e esperar ele carregar a letra correspondente (E, F, G, H, I, etc).

Como a versão que uso é a gratuita e mais simples (Daemon Tools Lite), posso montar até 4 drivers virtuais, ou seja: 4 jogos de Saturn podem ser montados e deixados prontos para jogar no emulador.

telinha de configuração dos drivers virtuais no Daemon Tools Lite

A segunda coisa a ser feita antes de começarmos a mexer no dito cujo é procurar as bios do Saturn. Eu recomendo pegar as três bios mais importantes, que são as bios para jogos japoneses (J), europeus (E) e americanos (U). Sem elas, é impossível rodar alguma coisa (se bem que alguns jogos podem abrir, mas mesmo assim, é bom garantir). Link pras bios? Infelizmente não posso passar, mas nosso amigo Google está aí pra isso hehehe!

a bios americana do SEGA SATURN

Montada a imagem no drive virtual e, é hora de abrir o tão fatídico SSF! Vamos aos procedimentos iniciais: primeiramente, não mexa em nenhuma opção além das que vou informar. O SSF é um emulador em constante evolução, portanto, meio sujeito à travamentos inesperados, bugs, imagens com erros e outras coisas. Os defeitos são vários e acontecem sem prévio aviso, portanto, é bom não mexer nas configurações mais avançadas. Abrindo o emulador pela primeira vez, se tudo correr bem, a tela vai ficar preta e minúscula no cantinho. Isso é normal, pois nem a bios e nenhum driver virtual está configurado. Assim que conseguir mexer nas opções (barra do alto do emulador), configure a BIOS primeiro de tudo.

Em PERIPHERAL, temos:


Saturn Bios, onde é selecionada a bios que deseja usar;
ST-V Bios, em branco;
CD Drive, o drive virtual previamente montado deve ser selecionado aqui;
Cartridge é bom deixar no cartucho de expansão de 4MB;
Area Code é a área onde o jogo foi fabricado, geralmente (U) para America, Canada e Brazil. Se for algum jogo europeu, é preciso mudar aqui também, bem como japonês.
Data Cartridge, deixado em branco também;

Abaixo coloquei as imagens mostrando as configurações para SCREEN e SOUND, que são mais básicas:

em SCREEN, algumas configurações básicas como FULL SCREEN 
e as famosas SCANLINES podem ser ativadas facilmente

no SOUND, até o volume pode ser ajustado

À seguir vem os PROGRAMs, opções de programação que, por medidas óbvias, não devem ser alteradas sem conhecimento prévio. A maioria ativa e desativa chips especiais do Saturn, bem como outras programações para que o emulador funcione de forma diferente da original. Como eu disse, sem conhecimento é bom não mexer nisso. A única opção PROGRAM que é passível de configuração inicial é a PROGRAM 4, onde estão as opções para ligar/desligar o LED de leitura de disco ou a BIOS.


Em EZ Setting, é possível escolher configurações pré-estabelecidas, de modo a ter um melhor aproveitamento do emulador com a máquina onde ele vai atuar. No meu caso, alguns jogos simplesmente não rodam à partir da HIGHEST COMPATIBILITY, então, é mais o caso de ir testando.


Bom, o cru da emulação do Saturn no SSF está explicado, cabe agora quem quiser tentar emulá-lo fazer os devidos testes. Antigamente algumas máquinas sequer abriam o emulador, pois era necessário um chip especial com interpretação da linguagem SS2, mas creio que isso hoje em dia é praticamente desnecessário devido à evolução do mesmo. Enfim, era isso que eu gostaria de passar pra vocês. Quanto às ISOS, o Google pode ajudar bastante, visto que as ISOS de Saturn são achadas facilmente em diversos sites famosos.

Como eu disse acima, alguns games eu ainda não consegui fazer rodar, como é o caso de Saturn Bomberman e Shining Force 3. Com relação ao Satun Bomberman, pesquisando na rede, descobri que apenas a versão européia pode ser emulada no SSF, devido à um recurso das versões americana e japonesa de checar se o console está conectado à alguma rede antes do jogo iniciar. Como o emulador ainda não é capaz de interpretar ou até mesmo burlar essa checagem, a vesão européia é a única saída por enquanto. Já o Shining Force 3 ainda não consegui rodar de jeito nenhum, mas vou continuar pesquisando e informando caso eu descubra algo.

Outro game que deu um certo trabalho foi Astal. Para que ele rodasse aqui, precisei desligar a opção S2 CACHE em PROGRAM 3. São coisinhas assim que ainda afastam muitas pessoas da emulação do Saturn, mas, quem insistir pode ter bons resultados e matar a saudade desse console incrível da Sega.

Uma última dica: nunca feche o emulador pelo [X] no cantinho, sempre vá em FILE e depois EXIT. Há um macete aqui: se o emulador for fechado bruscamente, provavelmente ele não vai abrir mais, pois o danado reconhece o driver como estando FECHADO e não inicia. Esse problema pode ser resolvendo reiniciando a máquina (às vezes não funciona) ou desmontando e montando a imagem do jogo no driver virtual do Daemon Tools.

Então, pra finalizar, boa sorte pra quem for tentar e, se precisarem, podem por as perguntas nos comentários que vou tentar ajudar da melhor forma possível!

18 comentários:

  1. Taí um tutorial que eu pedi a muito tempo. Valeu mesmo Cosmão. O resultado ainda não ficou bacana, acho que minha RAM é pouca para emular alguns jogos. Vou testar outros games com calma nos próximos dias.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faça os testes sim, eu tinha trauma de emular o Saturn por conta do que aconteceu com minha última máquina (tive que formatar devido ao erro que deu enquanto jogava Legend of Oasis), mas criei coragem e voltei a emulá-lo, dessa vez pra valer.

      À nível de curiosidade, minha antiga máquina tinha essas configs: Pentium 4 3.02ghz / 300mb ram / placa de vídeo onboard, e eu conseguia fazer milagres nele uaheuaehaue

      Excluir
  2. Bom tutorial. No meu PC antigo esse emulador não rodava de jeito nenhum, mas agora no atual consegui fazer funcionar e rodar vários games. Mas, ao invés de rodar a partir do drive montado eu gravo o CD e, desse jeito, todos os jogos que gravei rodam numa boa, inclusive o Shining Force 3.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tentei, no passado, gravar jogos de Saturn mas NUNCA deu certo... acho que meu Saturn não é destravado, apenas transcodificado, mas agora com o emulador funfando de boas, vou dar um descanso pra ele hehehe.

      Excluir
    2. Na verdade jogo com os cds gravados no emulador do PC mesmo, pois
      faz muito tempo que meu Saturn parou de gavar dados na memória.
      Ele chegar a gravar mas, assim que é desligado, perde toda a
      informação gravada. É uma pena, queria poder voltar a joga nele...

      Excluir
    3. O problema da memoria é que a bateria cr32 que fica no slot que tem na parte traseira deve ter descarregado, é só trocar que o saturn volta a gravar.

      Excluir
  3. valeu pelo tutorial Cosmão, realmente botar o emulador para funcionar é um sofrimento. mas quando roda...amigo, a mágica acontece. e nessa ultima dica, geralmente fecho no (X) e não tem problema algum. mas, sei lá né? vai que dá algum erro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Descobri esse lance de fechar no FILE>EXIT fuçando na internet após meu emulador dar um crash e não abrir mais (fica só uma janelinha minúscula no canto, onde não dá pra acessar nada). Desde então, só fecho ele no FILE>EXIT e nunca mais tive problemas.

      Não custa nada tentar né, melhor do que arriscar...

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Eu rodava SFIII no SSF, era uma versão especifica eu acho, isso foi em 2009, no ano seguinte, entrou um virus no PC e corrompeu muitos programas e acabei deletando.

    abração

    ResponderExcluir
  6. cara obrigado pelo tutorial
    vc sabe algum bom tutorial para hackear roms do saturn? gostaria de traduzir alguns jogos do ingles para o portugues, mas nao faço ideia por onde começar.

    abraço

    ResponderExcluir
  7. Os jogos que tenho aqui, funcionam tudo perfeito, exceto Mortal Kombat Trilogy, fica sem as músicas... :(

    ResponderExcluir
  8. Cara isso me ajudou muito, obrigado! TIME TO PLAY SOME DRAGON FORCE HELL YEAH!!!

    ResponderExcluir
  9. Boas não tou a conseguir por o programa a correr jogos gravados alguem me da uma ajuda.

    ResponderExcluir
  10. ...cara, valeu pelo tutorial, mas é muita mão-de-obra rs...prefiro comprar logo o video-game e deixar pra lá.

    ResponderExcluir
  11. "Antigamente algumas máquinas sequer abriam o emulador, pois era necessário um chip especial com interpretação da linguagem SS2, mas creio que isso hoje em dia é praticamente desnecessário devido à evolução do mesmo."

    SS2? Se refere ao SSE2, correto? É um conjunto de instruções presente desde o Athlon 64 e Pentium 4 (se não me engano), que - explicando por cima - acelera os cálculos do processador, fundamental em diversas aplicações multimídia.

    A placa de video também é importante. Já testei em naquelas placas onboards da intel pré-HD (2000,3000,4000) e não rolou devido a erros directx.

    "No meu caso, alguns jogos simplesmente não rodam à partir da HIGHEST COMPATIBILITY"

    Certeza? Comigo somente a partir da highest compatibility, exigindo mais da máquina.

    ResponderExcluir
  12. É muito legal baixar por Torrent porque pega tudo de uma vez. ;)
    http://thepiratebay.se/torrent/4600244/74_Sega_Saturn_Games ou http://thepiratebay.se/torrent/7769530/Sega_Genesis_Emulator_With_800___Games_for_Game_Cube-Wii

    ResponderExcluir
  13. cara, n consigo salvar no emulador. Ele sempre trava. COmo faço?

    ResponderExcluir