sexta-feira, 20 de abril de 2012

Super Castlevania IV (SNES)


Há algumas semanas, falei aqui sobre um game que considero o melhor de sua franquia, o Castlevania Symphony of the Night. Hoje resolvi comentar sobre outro game da mesma franquia, o excelente Super Castlevania IV. Ambos são completamente diferentes entre si, não compartilham sequer a mesma história e muito menos o mesmo protagonista, mas são comuns em uma coisa, na minha opinião: são os melhores em seus sistemas.


Super Castlevania IV discorre sobre Simon Belmont, o lendário caçador de vampiros que usa o mais lendário ainda chicote Vampire Killer para descer o reio nos mais variados inimigos espalhados por todo canto da antiga Europa. A história gira em torno do eterno castelão do Drácula, que se ergue em algum lugar random, sempre com o propósito de difundir o mal e dominar o planeta, transformando quem esteja contra seus ideais em meros zumbis. Diferente do gênero inaugurado pela série no Playstation, esse aqui segue o estilo clássico lançado pelo Nintendinho, fazendo uso mais da habilidade do jogador em calcular cada salto e ataque ao invés de gerenciamento de itens, armaduras ou habilidades secundárias.


    Simon usa desde seu lendário chicote até itens secundários

Simon pode saltar, chicotear no ar, na diagonal e inclusive para baixo, abrindo um enorme leque para que o jogador consiga acertar os inimigos de diversas formas diferentes. Outro diferencial do jogo é poder segurar o botão de ataque e mover o chicote aonde bem entender. Em algumas partes, esse movimento é bastante útil para acertar inimigos abaixo ou acima de onde Simon está.

Além do chicote, Simon também faz uso dos já manjados itens secundários presentes em toda a série, como a faca, água benta, machado, entre outros. Tais itens gastam os corações, e estes por sua vez são conseguidos em velas/castiçais ou até inimigos pelo caminho.


    o visual do jogo é muito bonito e cheio de efeitos de transparência e rotação

Um dos maiores atrativos do game são seus gráficos, limpos e de uma qualidade invejável. Os lugares por onde Simon perambula são lotados de detalhes, desde masmorras e cavernas onde gotas de água pingam do teto até florestas detalhadas, lagos, e castelos. Se considerarmos ainda que esse game foi lançado perto da época de lançamento do console, a Konami realmente caprichou. Além de todo esse visual, o game ainda nos presenteia com belos efeitos de zoom e rotação, novidades bem vindas na época. Existem fases em que Simon precisa se prender em alguma coisa enquanto a tela rotaciona, ou seja: não se trata apenas de um efeito cosmético, mas, interativo também.

As músicas fazem parte do pacote de qualidade encontrado aqui. A Konami sempre foi elogiada pelas trilhas sonoras de seus jogos Castlevania, desde o Nintendinho, passando pelo Game Boy e agora no SNES. Apesar de algumas músicas ainda não se equipararem aos sucessos mais conhecidos, vale destacar a trilha como um todo, pois muitas das canções são remixes de sucessos de outrora. Os efeitos sonoros acompanham o pacote, apesar de quase não termos voz nenhuma no game.

Super Castlevania IV veio para continuar a saga começada no Nintendinho e cumpriu com maestria sua missão. Resgatando desde elementos clássicos, como a jogabilidade simples e eficaz, até inserindo novas características desde gráficos até ao que diz respeito à jogabilidade, o game impõe respeito até os dias atuais.

Resumão:
+ o game tem um visual muito bonito pra época;
+ a jogabilidade clássica ainda é agradável;
+ o game é enorme;

Final Score: 9.0

6 comentários:

  1. Esta ai um dos primeiros jogos da série que zerei e desde então virei fã .Joguei a versão japonesa desse incrível jogo foi na casa de um amigo que vi e desde então começei a curtir muito .Um jogo bem balanceado nas dificuldades mas bem divertido levei um certo tempo pra pegar a manha de algumas fases .Mas nada melhor do que a música final de quando você enfrenta cara a cara o drácula me lembro até hojé bons tempos .
    Tenho esse jogo emulado no meu psp para me lembrar as vezes os bons tempos que um jogo tão simples fazia um bom sucesso naquele tempo ne´.

    ResponderExcluir
  2. Esse eu tenho original em casa ao lado do meu snes como gosto desse game e tb gosto do dracula x apesar de nao ser tao reconhecido.O castlevania quatro como voce disse é mais classico por que na minha opiniao empregou a jogabilidade antiga com algumas inovacoes por isso é o melhor csatlevania do querido snes otimo review cosmao gostei muito.

    ResponderExcluir
  3. Ótimo game, um dos melhores Castlevania sem dúvidas!
    Curto muito Super Castlevania IV assim como o Dracula X também, mas sem dúvidas Super Castlevania ganha...os efeitos que este game usava na época em que foi lançado eram demais! O game colocava o hardware do SNES á prova criando o máximo que os programadores conseguiam naquele momento, simplesmente um trabalho de mestre da Konami!
    Belo post, Cosmão!

    ResponderExcluir
  4. já zerei esse daí duas vezes. tinha uns momentos bem tensos lá, como uma subida onde havia uma lâmina vindo por baixo. e Dracula X não pode ser conhecido por aqui, mas nos leilões, ele é disputado a tapas lá fora por cada CD-ROM. a morte é bem difícil de bater, já o Drácula, achei fácil.

    ResponderExcluir
  5. Eu não conhecia esse Castlevania,vou procura-lo.

    ResponderExcluir
  6. Clássico dos clássicos!!!!! Tenho original. Relíquia!!!

    ResponderExcluir